Home Office - como lidar com chefe dificil

Como Lidar Com Chefe Difícil. Estudos de Casos

COMO LIDAR COM CHEFE DIFÍCIL | Traduzido da Harvard Business Review.

Quando precisamos equilibrar os compromissos profissionais com a família, ajuda muito ter um chefe compreensivo:

Um chefe que não torça o canto da boca quando você precisar sair mais cedo para participar de um evento na escola dos filhos ou tirar uma folga para levar um pai/mãe idoso a uma consulta.

Entretanto, e se o chefe não for solidário com suas questões no âmbito familiar?

Isso é particularmente desafiador para quem trabalha em home office. Que não há muito o que fazer, o trabalho e a vida doméstica acabam se misturando.

  • Então, como lidar com chefe difícil, que não é solidário e se recusa a reconhecer a situação relacionadas as demandas do seu tempo?
  • Como encontrar abertura para flexibilidade?
  • O que dizer a respeito dos compromissos familiares?
  • A quem recorrer e ter apoio neste momento delicado?

Muitos profissionais com várias responsabilidades, familiar e profissional, enfrentam diversos desafios e contam, inclusive, histórias de chefes que lhes dão tarefas no fim da tarde e pede para manhã seguinte.

ESTUDE A RESPEITO DOS SEUS DIREITOS

Como lidar com chefe difícil |

Em primeiro lugar, tome conhecimento dos seus direitos e entenda a que tem direito em termos de licença remunerada e opções de cuidados, diz Richard Thompson, fundador e CEO da Modern Life Company, uma empresa que fornece soluções de tecnologia para pais.

Pesquise sobre as políticas da empresa que trabalha e se existem alternativas de trabalho em oferta.

Mesmo antes dos trabalhos em home office se disseminarem, por causa da pandemia, um número crescente de empresas já haviam instituído trabalhos mais flexíveis para os colaboradores.

TENHA OBJETIVIDADE EM RELAÇÃO A SUA SITUAÇÃO PESSOAL

Como lidar com chefe difícil |

Converse em particular com seu chefe, “seja transparente sobre suas limitações”, diz Thompson.

Deixe bem claro seu compromisso com a empresa, mas exponha abertamente suas necessidades fora do trabalho.

A falta de empatia do chefe pode não ser proposital, mas involuntária. Por exemplo, imagine se seu chefe não tem filhos ou pais idosos. Ele certamente pode não estar ciente das tarefas “óbvias” relacionadas ao cotidiano de quem vivência estas experiências.

Ele pode estar alheio ao fato de que você também pode estar servindo como suporte aos filhos em matemática, redação, preparando lanche etc. diz Thompson.

Provavelmente não será uma conversa fácil. Mas não deixe que o desconforto impeça de fazer o que deve ser feito e evitar o assunto. “O silêncio é o que deixa os gerentes nervosos”, avisa Thompson. “Não se trata de dar desculpas” – você está declarando fatos. Seu tom deve exalar confiança e compromisso.

SEJA EMPÁTICO

Também não é fácil ser chefe. Muitos que se encontram em cargos de chefia são pressionados. Em consequência da pressão, eles ficam estressados, ansiosos e lutam também para fazer mais com menos e mostrar serviço.

Tente se colocar no lugar e ter um olhar sob a perspectiva dele. Tenha uma preocupação autêntica.

Demonstre a sua preocupação pelo ser humano, faça perguntas de como ele está se sentindo com a situação atual, seja sincero.

Pergunte sobre a família, os sonhos, objetivos e se envolva um pouco no universo dele. Sendo empático você obterá informações importantes para sua abordagem e terá mais chances de tocá-lo falando das suas preocupações e necessidades.

CRIE UM PLANO (ou mais de um)

Como lidar com chefe difícil |

Entendendo seu chefe e o que ele julga é importante, você terá mais condições de para estruturar um plano de ação que ajude a realizar suas tarefas profissionais e atingir suas metas.

Tenha planos de contingência para situações imprevisíveis e foque nos resultados.

Fale abertamente sobre a insegurança do seu chefe em relação ao seu desempenho. Mostre a ele que você toma providências e tem planos para realizar seu trabalho a ponto que ele saia da conversa com você pensando: Ele está cuidando bem disso.

Caso necessário não sinta vergonha de lembrar seu chefe de seu valor e desempenho. O que você já entregou deve servir de base para uma boa expectativa futura. Seu chefe perceberá que não importa como você fará o trabalho e sim que ele seja entregue.

IMPORTANTE É FEEDBACK FREQUENTE

Mantenha seu chefe sempre informado. Diariamente, semanalmente ou da maneira que julgar necessário. isso irá tranquilizá-lo e a cobrança será desnecessária.

Use o meio disponível mais adequado à cada situação: e-mail, mensagem, ligação… use sua intuição para fazer atualizações.

Encaminhe a ele um cronograma de sua semana, isso poderá evitar uma teleconferência. Compartilhe sua agenda profissional com as tarefas em execução. Com certeza isso dará mais tempo livre para você em outras responsabilidades.

LIMITES ESTABELECIDOS

Como lidar com chefe difícil |

Se você tem um chefe tirano, pode ser bem difícil delimitar os limites. É importante estabelecer mesmo assim.

Precisamos todos de tempo durante o dia. Se tem um horário específico e irremediável, por exemplo, hora do jantar às 6:30 PM, que seja, é importante expor que neste horário ficará indisponível.

Entretanto, se seu chefe estiver com dificuldade em respeitar os horários do seu âmbito familiar, uma conversa se fará necessária.

Reafirme seus compromissos pessoais. Reafirme também como você organiza seu dia de trabalho. Explique que você necessita do seu tempo não comercial para organizar as coisas familiares.

Que sem esse intervalo dos compromissos profissionais, você sentirá dificuldade em se dedicar totalmente ao trabalho.

AMPLIE SEU NETWORKING

Se mesmo assim continuar com dificuldades recorra aos aliados dentro de sua companhia, aconselha diz Thompson.

Esses aliados podem incluir companheiros de equipe, colegas de outros setores e gerentes fora de sua divisão.

“Construa relacionamentos duradouros com pessoas que você possa contar”, diz Thompson. “Dessa forma, se no futuro as coisas ficarem controversas (com seu chefe), você terá opções.”

Além de ampliar sua rede profissional, os aliados oferecem apoio moral. Converse com seus colegas e descubra como eles estão equilibrando a vida em home office. Troque ideias e descubra como os outros estão fazendo.

CUIDE-SE. INVISTA TEMPO EM VOCÊ

Estar trabalhando com alguém que não sabe respeitar sua vida fora do trabalho pode ser bem exaustivo, então reserve um tempo para si mesmo.

Tenha o firme propósito de dar a si uma pausa mental forçada, relaxe. Arranje tempo para ler, cozinhar, dançar, correr, meditar… ou qualquer outra atividade que você goste ou ajude a descontrair. Programe seu bem estar.

Mesmo que atividades físicas não seja o seu passo tempo preferido, encontre uma atividade que te custe menos esforço e arrume tempo para fazê-lo todos os dias.

Especialmente durante esses períodos difíceis os exercícios ajudam muito, tanto ao corpo quanto a mente.

Se você não tem esse hábito, não subestime o poder das atividades físicas por 30 minutos ao dia.

Ainda mais em um momento em que seu chefe anda te estressando e nada parece estar sob seu controle, fazer com que suas endorfinas bombeiem no seu sangue deve ser uma prioridade. Experimente e comprove os benefícios.

ESPERE SUA VEZ

Mesmo com seus melhores esforços, a situação pode não melhorar. Nesse caso, a recomendação é ser o melhor funcionário possível nas circunstâncias.

Certifique-se de cumprir as expectativas. Não dê ao seu chefe nenhum motivo contra você. Seu chefe pode nunca ter empatia com sua situação pessoal, isso é uma questão dele.

Se você não está recebendo apoio e a empresa não está correspondendo às suas necessidades, talvez esse ambiente de trabalho não seja o melhor para o desenvolvimento de sua carreira.

Pode ser hora de procurar um lugar que se sinta acolhido.

PRINCÍPIOS A SEREM REFORÇADOS

Como lidar com chefe difícil |

Mostre compaixão por seu chefe. Entenda seus objetivos e priorize seu trabalho em torno deles.

Seja proativo e elabore vários planos de como você trabalhará no dia a dia, bem como várias contingências para se, ou quando, a situação não mudar.

Estabeleça relacionamentos com pessoas em sua organização que entendam suas circunstâncias pessoais e que possam oferecer opções se as coisas azedarem com seu chefe.

Não evite falar com seu chefe sobre seus compromissos externos. Esteja sempre aberto e honesto sobre as obrigações familiares.

Seja rígido e criativo em como e quando você termina o trabalho.
Não negligencie seu bem-estar mental e físico enquanto trabalha para um chefe antipático. Reserve tempo para hobbies e outras atividades, isso é importante.

CONSELHOS PRÁTICOS

Como lidar com chefe difícil |

Estudo de caso Nº 1:

Fale com o RH sobre a que você tem direito – e esteja disposto a seguir em frente se o relacionamento não melhorar.

Jennifer Walden, diretora de operações da WikiLawn, uma empresa online para profissionais de jardinagem, diz que embora seu atual empregador e gerente tenha sido flexível e acomodado em relação aos compromissos familiares, ela nem sempre teve a sorte.

Há alguns anos, quando ela trabalhava na indústria de jogos, seu chefe – vamos chamá-lo de Antony – não gostava do fato de Jennifer ser mãe e de um de seus filhos ter problemas de saúde.

“Foi muito difícil”, lembra Jennifer. “Lembro-me de me sentir culpada porque achava que era muito menos produtivo no trabalho quando minha filha estava tendo complicações. Eu estava constantemente preocupada com ela”.

Desde o momento em que assumiu o cargo, Jennifer foi aberta e transparente sobre suas responsabilidades em casa.

“Lembro-me de perguntar ao meu chefe desde o início se havia oportunidades de trabalhar em casa nos dias em que a saúde de minha filha estava especialmente ruim”, diz ela.

Antony disse que não.

“Ele encerrou qualquer conversa relacionada a trabalho remoto e horários flexíveis”, diz ela.

Ele era autoritário e esperava respostas imediatas às suas ligações e e-mails – mesmo nos fins de semana.

Jennifer, entretanto, foi diligente. Depois de alguns meses, ela entrou em contato com Antony para defender sua causa.

Ela falou sobre seu compromisso com a empresa e apontou para sua consciência e seu histórico de cumprimento de seus prazos.

“Tentei aliviar seus medos sendo proativa ao dizer como compensaria qualquer perda de trabalho, alteraria minha agenda e verificaria regularmente de casa”, diz ela.

Ele ainda não se mexeu.

Ela começou a pedir apoio e incentivo aos colegas de sua equipe. Ela percebeu que muitos deles tinham frustrações semelhantes.

Juntos, eles decidiram falar com o RH. “O RH ajudou um pouco”, diz ela.

“Lutei pelo direito de trabalhar de casa nos dias em que minha filha estava passando por dificuldades – nossa organização permitiu isso, embora meu chefe não tivesse assinado anteriormente.”

Mas, no final das contas, o estresse de trabalhar para um gerente que não tinha compreensão da sua vida pessoal não valia a pena.
Jennifer deixou o trabalho.

Estudo de caso Nº 2:

Mostre seu compromisso com a empresa e cumpra as expectativas.

Willian Grey fundador da empresa americana The Best Product Peviews, que produz análises de tecnologia e produtos, diz que conhece bem o que é ter seus compromissos familiares descartados por seu chefe.

Há alguns anos, ele trabalhou como gerente de RH na indústria de marketing digital.

Na época, ele tinha filhos pequenos em casa e uma esposa que também trabalhava em tempo integral.

Quando começou na empresa, ele e sua chefe – vamos chamá-la de Sheila – tinham uma boa relação de trabalho.

Willian tinha um desempenho superior e Sheila confiava nele dando-lhe atribuições mais desafiadoras e de alto perfil.

MOMENTO DA MUDANÇA

Mas depois que a situação dos cuidados infantis de Willian mudou, seu relacionamento ficou tenso.

Por isso Willian perguntou se ele poderia sair mais cedo do trabalho dois dias por semana para pegar os filhos na escola, e Sheila recusou.

“Eu disse a ela que faria o trabalho à noite, mas ela disse que eu era necessário no escritório”, diz ele.

Willian sabia que precisava agir. Primeiramente ele dialogou com Sheila. Ele perguntou a ela sobre suas prioridades e preocupações. Ela disse a ele que estava sob muita pressão da administração e que estava particularmente nervosa com vários projetos iminentes.

Posteriormente ele demonstrou seu compromisso com a empresa e seu trabalho. Willian disse a Sheila que concentraria sua atenção nesses projetos. “Queria que ela soubesse que o trabalho estava em boas mãos”, disse.

Por fim, ele foi aberto e honesto sobre suas responsabilidades familiares. “Eu disse a ela que meus filhos eram pequenos e que precisava de um pouco de benevolência e flexibilidade.”

Sheila não ficou entusiasmada com o pedido dele, mas concordou com uma flexibilização.

Willian manteve o foco nos projetos e garantiu que cumprisse todos os prazos. Ele enviava atualizações regulares e relatórios de status para Sheila para amenizar suas preocupações. E dois dias por semana, ele saía do trabalho uma hora mais cedo para pegar seus filhos.

A situação melhorou, mas Willian ainda se sentia infeliz.

“Eu queria trabalhar para uma gerente que valorizasse seu pessoal e que entendesse que a vida é mais do que trabalho”, diz ele.

Ele conseguiu um novo emprego com relativa rapidez e, não muito depois disso, fundou sua empresa.

“Eu criei um ambiente de trabalho onde os funcionários podem se tornar as melhores versões de si mesmos.”


CONCLUSÃO

Como lidar com chefe difícil |

Bom ambiente de trabalho é fundamental e são os relacionamentos é que interferem e atrapalham na maioria do casos.

Então saí um pouco do foco da nossa empresa que é alimentação. Pois esse tema é muito importante e muitos de nossos contatos são colaboradores em empresas.

Sendo assim, senti necessidade de tentar ajudar de alguma forma nesta questão complicada.

Se você gostou me conta para eu poder trazer mais temas semelhantes. Ok?

Compartilhe

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pocket
Compartilhar no facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Solicite Proposta Sem Compromisso

Obs.: Entregamos somente no município do Rio de Janeiro.

×

Olá!

Clique na foto da representante abaixo para conversar com ela no WhatsApp ou envie um e-mail para contato@kitbreak.com

× <