Porque os Treinamentos são Ineficazes

Porque os Treinamentos são Ineficazes.

Estamos vivendo transformações, a tecnologia está sendo responsável por este novo momento nas relações empresa-colaborador-cliente e pressionando as empresas. O sucesso das corporações está diretamente ligado com a capacidade de se adaptar as novas práticas, métodos e a maneira de se relacionar com estes atores. Já não é mais possível se utilizar de métodos comerciais ortodoxos, o marketing digital é uma realidade incontestável, por exemplo. A flexibilidade na comunicação e a agilidade empresarial são fundamentais para atração e manutenção de talentos. Os clientes descartam sem pensar muito as empresas obsoletas, morosas ou de serviço superado, veja que aconteceu com a Kodak, Blockbuster, Arapuã…

E como as empresas podem agir? Investindo nas novas tecnologias, claro! Mas não podem deixar de investir em pessoas. Colaboradores com treinamento adequado prestam bom atendimento, certo? Certo e errado. Por um determinado tempo o treinamento surte bons resultados, mas depois de um período os colaboradores voltam aos velhos métodos. Por quê isso ocorre? Vou explicar.

Muito se fala negativamente dos trabalhadores brasileiros, comparam com trabalhadores de outros países e apontam as diferenças que normalmente colocam os brasileiros em posição inferior. O que as empresa brasileiras precisam entender é o foco certo do treinamento.

Nós brasileiros somos criativos e trabalhadores, não merecemos rótulos negativos. O que normalmente acontece dentro das organizações é um treinamento na base, com trabalhadores de ponta.

O que realmente influencia no modo de atuação das empresas são seus métodos gerenciais.

Pesquisas apontam que está na maneira de gerenciar a maior sabotagem ao treinamento, isso porque gerentes não abrem mão da sua maneira de gerenciar. É preciso em primeiro lugar criar um “solo fértil” revendo todo projeto organizacional e seus processos.

A direção da empresa precisa treinar primeiro seus gerentes e supervisores com as diretrizes pretendidas, para depois que as “sementes” começarem a florescer, aí sim, espalhar por toda corporação.

Segundo a excelente reportagem da Harvard Business Review sobre este tema, pesquisas apontam os motivos dos fracassos nos treinamentos. Leia, é muito importante para avaliar se os treinamentos na sua empresa serão perenes e darão o retorno pretendido.

Por que programas de treinamento não funcionam — e o que fazer.

Michael Beer, Magnus Finnström e Derek Schrader

As corporações estão sendo vítimas de um assalto no que se refere a treinamento.

As empresas americanas gastam fortunas em treinamento e educação de funcionários — US$ 160 bilhões só nos Estados Unidos e mais de US$ 350 bilhões globalmente, só em 2015 — e não estão tendo um bom retorno de seus investimentos. Em geral, a aprendizagem não se traduz em melhor desempenho organizacional, já que as pessoas logo voltam ao seu antigo jeito de fazer as coisas.

Veja o caso de uma divisão de produtos de microeletrônica (MEPD, na sigla em inglês) de uma empresa que chamaremos SMA, estudada por um de nós. A SMA investiu num programa de treinamento para melhorar a liderança e a efetividade organizacionais. A MEPD foi uma das primeiras unidades de negócios a implementá-lo, e dele participaram praticamente todos os funcionários assalariados da divisão.

Os participantes descreveram o programa como muito poderoso. Durante uma semana eles se envolveram em inúmeras tarefas que exigiam atividade em grupo. O programa terminou com um plano para aplicar o aprendizado na organização. Pesquisas realizadas antes e depois do treinamento sugerem que houve uma mudança na atitude dos participantes.

Dois anos mais tarde, quando um novo diretor geral assumiu a liderança da divisão, ele solicitou uma avaliação do programa, que era bastante oneroso para a empresa. Na opinião dos gestores, pouco havia mudado depois do treinamento, ainda que na época tenha sido inspirador. Eles perceberam que era impossível aplicar o que tinham aprendido sobre trabalho em equipe e sobre colaboração devido a uma série de barreiras administrativas e organizacionais: falta de clareza estratégica, o estilo de gestão de cima para baixo do diretor geral anterior, o ambiente politicamente carregado e um conflito transfuncional. “O diretor geral anterior impactava fortemente nossa organização, e nós refletíamos seu estilo de gestão”, explicou um membro da equipe sênior da divisão durante uma entrevista. “Hoje, todos somos mais autoritários.” continuar lendohttp://hbrbr.uol.com.br/por-que-programas-de-treinamento-nao-funcionam-e-o-que-fazer/

Lendo a reportagem, é possível entender muito bem a sensação de efeito sanfona na qualidade produtiva e renovação nas empresas.

Durante os treinamentos, e por pouco tempo depois, a um pico formidável de elevação na produtividade e gradativamente vai voltando ao que era antes. Treinar a direção é fator primordial.

Portanto, cobrar ações dos colaboradores onde a gerência da empresa conspira contra as diretrizes é sinônimo de desperdício de tempo, dinheiro e talentos, o que hoje em dia pode fazer toda a diferença entre continuar as operações ou sumir do mapa.

Ah… todo treinamento pede um lanche saudável no intervalo!

Estar bem alimentado faz diferença na atenção ao que está sendo passado. Conte com a Kit Break, temos o Kit Lanche ideal para seu treinamento. Customizamos os Kits Lanche de acordo com seu orçamento.


Ficou interessado? Você pode pedir  auxílio de nossa atendente descrevendo sua necessidade no formulário do site ou mandando mensagem por WhatsApp.

Compartilhar no linkedin
Compartilhar no whatsapp
Compartilhar no twitter
Compartilhar no pocket
Compartilhar no facebook

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

SOLICITE UMA PROPOSTA SEM COMPROMISSO

Obs.: Entregamos Somente no Estado do Rio de Janeiro.

Carlos Sampaio
Carlos Sampaio
Sócio - Spiridon Eventos.
Leia mais
“Somos uma empresa de eventos com 25 anos de mercado. Nossa maior expertise está em eventos outdoor de grande complexidade, onde a logística está diretamente ligada a tempo e segurança, pois lidamos com milhares de vidas. Tudo precisa acontecer dentro do planejamento onde o tempo e a segurança são fundamentais. Sendo assim, nossos fornecedores precisam ter credibilidade, profissionalismo, os melhores materiais e serviços, e alem de tudo, pontualidade” A KIT BREAK é uma empresa que se enquadra perfeitamente neste perfil, além de possuir uma versatilidade e variedade de produtos, atendendo os clientes em suas mais variadas necessidades."
Angela Salles
Angela Salles
Diretora de Vela Iate Clube do Rio de Janeiro
Leia mais
"O serviço que a Kit Break prestou ao Iate Clube do Rio de Janeiro-RJ durante o Campeonato Brasileiro de Optimist foi absolutamente impecável. Durante 10 dias foram fornecidos diariamente 180 lanches, que variavam a cada dia e que foram de total agrado dos competidores, seus técnicos e pais. A equipe Kit Break está de parabéns e podem ter a certeza de que seremos parceiros sempre que possível. Além disso, indicaremos sem o menor receio a quem precisar de um serviço deste tipo. Um grande abraço e muito obrigada."
Ana Carolina
Ana Carolina
Nutricionista - Nutriv Consultoria
Leia mais
“É muito bom saber que a Kit Break se preocupa com a qualidade e segurança dos Kits Lanches que oferece. Uma empresa que se compromete antes de tudo com a saúde de seus clientes só pode nos oferecer tudo que há de bom! Parabéns por todo empenho em melhorar a cada dia, recomendamos a Kit Break para sua Empresa / Evento.”
Anterior
Próximo